INFRAESTRUTURA

Prefeito Eduardo Braide entrega obra da Fonte do Ribeirão

O importante monumento da capital teve toda a sua beleza e imponência totalmente recuperado

A gestão do prefeito Eduardo Braide vem realizando um conjunto de investimentos na região do Centro Histórico de São Luís, para garantir a preservação do patrimônio cultural e arquitetônico da cidade. Como parte destes investimentos foi entregue, na noite de sábado (25), a obra de conservação da Fonte do Ribeirão. O importante monumento da capital teve toda a sua beleza e imponência totalmente recuperado. E para marcar a entrega foi realizado o show Fonte de Todas as Águas, que integrou as comemorações pelos 409 anos de São Luís.

“Eu fico muito feliz por entregar mais uma obra aqui no nosso Centro Histórico, a nossa Fonte do Ribeirão, que foi revitalizada, e faz parte de uma série de intervenções que estão acontecendo na região. Já entregamos a requalificação da Rua do Giz, estamos finalizando as obras do Centro Acessível, vamos entregar unidades habitacionais de interesse social, entre outros investimentos que ocorrerão. Agora é cuidarmos e amarmos o nosso patrimônio que é de toda a humanidade”, ressaltou o prefeito Eduardo Braide acompanhado da primeira-dama, Graziela Braide.

Orçadas em R$ 132 mil e executadas com recursos da Operação Urbana, as obras da Fonte do Ribeirão foram realizadas por meio de ação conjunta das secretarias municipais de Urbanismo e Habitação (Semurh); Inovação, Sustentabilidade e Projetos Especiais (Semispe); Cultura (Secult); e a Fundação Municipal de Patrimônio Histórico (Fumph).

Espetáculo cultural – A entrega das obras de conservação da Fonte do Ribeirão foi marcada pela apresentação de um espetáculo cultural emocionante que reuniu diversos nomes da cultura ludovicense no espetáculo Fonte de Todas as Águas – São Luís 409 anos, formado por 30 artistas em cena, entre cantores, músicos, dançarinos e atores em uma produção que mobilizou mais de 50 pessoas, direta e indiretamente.

A noite foi aberta pelo Grupo Lamparina, que fez uma saudação ao Divino Espírito Santo. Em seguida, Fernando de Carvalho apresentou a “Louvação a São Luís” e a canção “Namorada do sol”, de Nonato Buzar. Alessandro Batista cantou uma composição de Marco Duailibe, secretário Municipal de Cultura, “São Luís de Coração”.

A atriz Áurea Maranhão protagonizou a performance Fonte de Todas as Águas, interpretando Salácia, a principal esposa do deus romano Netuno, cuja estátua repousa sobre o frontão da fonte.

Também se apresentaram os cantores Cris Campos, Paolo Ravley, Luiz Júnior Maranhão, Milena Mendonça, Ribinha da Maioba, Roberto Brandão, Inácio Brandão, Célia Sampaio, Mano Borges e Rosa Reis.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo