POLÍTICA

Diesel mais Caro: Caminhoneiros e empresários do Agronegócio vão botar culpa na Venezuela, China ou Cuba?

O diesel amanheceu mais caro que a gasolina nos postos de combustíveis de todo território brasileiro

Os caminhoneiros, empresários do agronegócio e donos de empresa de ônibus e embarcações estão tomando no caneco calados. O Líder dos caminhoneiros durante a greve de 2018, Wallace Landim, o Chorão, afirmou que o setor discute a possibilidade de promover um ato contra a Petrobras. Mais uma vez os trouxas patriotas, achando que Bolsonaro é inocente e agora miram a Petrobrás, igual os cristãos patriotas fazem contra o STF.

A Petrobrás anunciou, nesta segunda-feira (9/5), novo reajuste de 8,86% no preço do diesel vendido às distribuidoras. O valor médio do combustível passará de R$ 4,51 para R$ 4,91, segundo a empresa. Nos postos de combustíveis, o valor já amanheceu nesta terça-feira (10), ao preço médio de R$6,98.

“Vou conversar com outros segmentos, pois a gente precisa pressionar a Petrobras para mexer no PPI [Política de Paridade Internacional]”, destaca Chorão, que ultimamente tem mostrado que não é o mesmo de 2018.

Durante uma LIVE (Teatro para trouxas), o presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a criticar duramente a Petrobras na última quinta-feira (5/5). O problema é que Bolsonaro já falou que também é acionista da Petrobrás e não tem nenhum interesse em fazer algo para frear essa política de preços.

No Congresso Nacional, 594 parasitas, em silêncio com os constantes reajustes de gás e combustíveis. Mas sabe o motivo de tanto silêncio? A grande maioria dos deputados federais e senadores, encontraram no combustível uma forma ilícita de enriquecer. Mas como? Superfaturando notas fiscais frias, fingindo abastecer toneladas de combustível mensalmente e recebendo o reembolso na tesouraria da Câmara Federal e Congresso. Com o preço do combustível, tem deputado ou senador, que fatura na casa de R$10 mil reais com notas, sem abastecer, segundo um relatório divulgado por uma ONG pesquisadora, que divulga a lista constantemente dos parlamentares que chegam a colocar 1.000 litros no tanque do carro no mesmo dia, segundo notas fiscais.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!