POLÍTICA

Esposa e filha de Carlos Brandão embolsaram R$ 628 mil sem ir ao Congresso Nacional

A informação foi publicada pelo jornalista Neto Ferreira em seu blogue nesta segunda-feira (18)

Larissa Mesquita Brandão e Lethícia Mesquita Brandão, ambas esposa e filha do governador do Maranhão, Carlos Brandão (PSB), juntas, receberam cifras que ultrapassam a casa do meio milhão de reais sem nunca terem pisado nos corredores do Senado e Câmara Federal em Brasília-DF.

De 2019 até janeiro deste ano, a atual primeira-dama ocupou cargo público no gabinete da senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) com vencimento bruto que variava de R$ 8,9 mil a 14,3 mil, totalizando em remunerações e gratificações o valor de R$ 446.407,23 (quatrocentos e quarenta e seis mil, quatrocentos e sete reais e vinte três centavos).

A herdeira, Lethícia, também iniciou, coincidentemente, em 2019 a exercer função pública como secretária parlamentar no gabinete do deputado federal, Cléber Verde (Republicanos) recebendo salário bruto que vai de R$ 13,2 mil a R$ 14,4 mil. No entanto, aparece no site da Câmara apenas os recebimentos relativos aos meses de abril de 2021 a março de 2022, somados R$ 182.113,73 (cento e oitenta e dois mil, cento e treze reais e setenta e três centavos) em salários e gratificações.

Durante todo esse período, Larissa e Lethícia Mesquita Brandão não tiveram registro de entrada na Câmara e Senado, segundo informações obtidas pela reportagem do blog do Neto Ferreira.

Durante todo esse período como funcionárias públicas, a reportagem descobriu ainda, que mãe e filha não tiveram registros de entradas e emissões de crachás no Congresso.

Para acessar as dependências da Câmara dos Deputados em Brasília é obrigatório portar crachá funcional para identificação da segurança.

Portanto, familiares do governador Carlos Brandão receberam dinheiro público sem ter colocado os pés nas dependências da Câmara e Senado.

Procurados via assessoria, o governador, esposa e filha não responderam aos questionamentos até o fechamento desta matéria.

Por Neto Ferreira

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!