ELEIÇÕES

Fátima Araújo entrou grande na disputa eleitoral e saiu gigante após vitória expressiva

Veja o desempenho dos cinco candidatos a vereador e vereadora do Complexo de bairros do João de Deus

Para entrar na briga por uma vaga à Câmara Municipal de São Luís, basta está filiado a um partido e registrar sua candidatura. Mas para conquistar a tão sonhada vaga, é necessário alguns ingredientes básicos: propostas, trabalho e compromisso com o povo. E é justamente esse tempero que faz da única candidata do bairro João de Deus, conquistar sua reeleição com a expressiva votação de 5.446 votos.

Entre o consórcio montado para tentar enfraquecer Fátima Araújo (PCdoB) e o trabalho já realizado, os moradores optaram em votar e dar o  primeiro lugar a principal liderança da região, a vereadora Fátima, que disputou à reeleição, obtendo nas urnas 5.446 votos. Conhecida como a Pequena Guerreira, Fátima mora na comunidade da Vila Conceição há mais de 30 anos e tem um trabalho que foi digno de sua reeleição. A população reconhece o trabalho de Fátima e mostrou a confiança as urnas.

Na segunda colocação dentro do Complexo do João de Deus, ficou a candidata que alugou uma casa na rua São Pedro, já que nem residência fixa no bairro a postulante tem. Drª Sônia (AVANTE) obteve 2.770 votos em toda São Luís. Poderia até ter sido melhor, se realmente tivesse se preocupada com sua campanha e tivesse focado nos moradores da região, mas ela realmente só queria votos. Com essa eleição, Drª Sônia concorre pela terceira vez, e por três vezes a advogada é derrotada, até já tem o direito pedir música no Fantástico da Rede Globo.

Por outro lado, na terceira colocação tem o candidato pelo PMN, Jean Fábio, que fez carreata como mais de 5 mil carros, mas não passou dos 1.972 votos, muito distante do que ele esperava ter dos taxistas de São Luís, categoria que ele usou como principal base de votos. Ao lado do que tem de pior na política do João de Deus, Jean teve sua campanha marcada por vídeos com acusações a outros candidatos, o que só queimou a sua imagem na região. A derrota do taxista que anda de SW4 se tornou pior ainda com o sumiço misterioso de mais de R$ 500 de carne, comprada antecipadamente para o churrasco, caso ele fosse eleito.

Se somar todos os votos que ela tirou em todas as vezes que saiu candidata a vereadora, Kessia — a Pequena que não Incomoda — não chegaria a 240 votos, número de componentes do grupo de WhatsApp “João de Deus”, comitê virtual de Jean Fábio, onde a maioria eram eleitores de Fátima Araújo.

Nossa equipe não conseguiu identificar no Aplicativo do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o número de votos do candidato Deputado, ou Barbeiro, outro nome do bairro João de Deus, que disputou uma das 31 vagas para a Câmara Municipal de São Luís, que deve ter tirado mal o voto de si próprio.

O certo mesmo é que Fátima Araújo entrou grande na disputa eleitoral e saiu gigante mediante a concorrência.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo