MARANHÃO

Violência coloca pânico na população de São Luís-MA

Os assaltos constantes em ônibus, lojas, pedestres e uberistas

A violência voltou a colocar pânico na população de São Luís. Sem policiamento suficiente nas ruas da Grande Ilha, os marginais voltaram a dominar e colocam pânico em que anda a pé, de ônibus ou van. Além disso, lojas, farmácias, clínicas, galeteria, churrascaria, lanchonetes e sorveterias passaram a ser alvos da bandidagem nos últimos meses. O número de assaltos a ônibus coletivo, chega a assustar.

Se já estava ruim, com a mudança de Governo, que posteriormente mudou o secretário de segurança do Maranhão, que após assumir, trocou os comandantes de áreas. O certo mesmo, a segurança pública está um caos nos 217 municípios maranhenses. Na capital, o caso é bem mais sério, do que a gente imagina. A violência deixa o Sindicato dos Rodoviários em alerta.

“O Sindicato dos Rodoviários do Maranhão esclarece que em relação ao caso do motorista esfaqueado, durante mais um assalto a ônibus praticado na noite desta quarta-feira (18), que adotou de imediato, todas as medidas cabíveis, para garantir o atendimento ao trabalhador que sofreu ferimentos nas mãos e no pescoço e que felizmente, já se encontra em casa e fora de perigo. A entidade também já cobrou das forças policiais, providências, para que os criminosos sejam identificados e presos. Na manhã desta quinta-feira (18), por determinação do Presidente, Marcelo Brito, ofícios foram expedidos e encaminhados para os órgãos envolvidos, principalmente, a Secretaria de Segurança Pública, para que a prática seja combatida com mais rigor em toda a Grande São Luís. Diante desta situação, o Sindicato dos Rodoviários do Maranhão alerta que se a insegurança dentro dos coletivos continuar, todos os Rodoviários cruzarão os braços e o sistema de transporte público em São Luís irá parar, até que o serviço volte a ser seguro para trabalhadores e usuários”, disse o Sindicato.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!