BABADO DA SEMANA

Após passar vexame ao confundir LGPD com LGBT, Carluxo ataca Flávio Dino

Carlos Bolsonaro mostra despreparo em tudo, igual ao pai Capitão Cloroquina

Especialista em atacar aliados e opositores, Carlos Bolsonaro, o Carluxo, que na semana passada passou maior vergonha ao confundir LGBT com LGPD durante Sessão Remota na Câmara Municipal do Rio de Janeiro, agora encontrou o Governador do Maranhão para despejar seu veneno maligno, o ódio.

Após a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19 declarar que seguirá o roteiro da produção e da distribuição da cloroquina, o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos) divulgou trecho de um vídeo do governador Flávio Dino (PCdoB) com um posicionamento de 2020, em que ele afirma que “a cloroquina pode ser receitada pelos médicos”, assim como azitromicina e ivermectina.

No vídeo de 2020, divulgado na tarde da última quinta-feira (22), o vereador federal questiona se o governador também será investigado pela CPI da Covid. Carlos Bolsonaro tem pedido o sono ao saber que o Capitão Cloroquina está na mira da CPI da Covid-19 e muitos aliados, inclusive os filhos, podem cair no banco dos réus.

O vídeo é do início da pandemia e revela o posicionamento reforçado pelo governador Flávio Dino até então: de que a decisão de medicamentos a serem adotados devem ser decisões médicas, com base em estudos científicos de quem passou anos na Universidade.

“Há um falso debate sobre cloroquina. Esse não é um debate político, essa é uma questão técnica, o que não se pode e o que é errado e não fazemos, é estimular a automedicação”, declara Dino no mesmo período em suas redes sociais.

Em outro momento de 2020, o governador Flávio Dino critica a obsessão de Bolsonaro pela cloroquina, e a falta de ações de prevenção e combate à covid-19 e seus impactos sociais e econômicos.

“Não discuto se remédio A, B ou C produz ou não efeito, porque não me cabe. Eu não sou médico, ele tão pouco é. O que cabe a nós, líderes políticos, é cuidar das políticas públicas. Quem cuida de remédio, é médico, que administra, que prescreve”, declara Dino em vídeo.

Por Brasil de Fato

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo