POLÍTICA

Carlos Brandão autoriza diárias apenas para quem compõe sua comitiva

A medida causou insatisfação entre os servidores de baixo clero que trabalham de verdade

O governador Carlos Brandão baixou decreto proibindo a emissão de diárias e passagens aéreas para todos os servidores civis e militares até o dia 31 de dezembro. A medida só não vale para a comitiva que acompanha o governador em inaugurações de obras do Maranhão.

O secretário Ricardo Capelli, subestimando a inteligência de quem leu o decreto e com o intuito de passar pano na decisão de Brandão, publicou nas redes sociais que não há suspensão de diárias para servidores, alegando que o decreto foi apenas uma medida de “conter gastos e ampliar a eficiência do governo”.

“Não há suspensão de diárias para servidores. O governador Carlos Brandão apenas reeditou um decreto do ex-governador Flavio Dino centralizando as autorizações na Casa Civil. Esta medida reduziu o gasto, ampliando a eficiência do governo”, disse.

Vale lembrar que Brandão se aproveitou de mais de R$2 mil reais em diárias para uso pessoal, quando foi se filiar ao PSB em Brasília. Depois de pressão da imprensa, resolveu devolver o valor aos cofres públicos.

Sem nenhuma justificativa, equipes de servidores das áreas da saúde, educação e segurança pública, por exemplo, que não forem fazer parte dos eventos de pré-campanha com o governador, terão que arcar com as despesas de deslocamento do próprio bolso.

Por Rogério Silva

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!