SAÚDE

Hospital de Amor já atendeu mais de três mil mulheres no Maranhão

Hospital de Amor se mantém com recursos de doações de pessoas físicas, jurídicas e verbas do SUS

Desde que começou a realizar atendimentos, em janeiro deste ano, o Hospital de Amor de Imperatriz, juntamente com as duas Carretas da Mulher, já realizou 3.340 atendimentos. O hospital, que é uma unidade avançada de prevenção do Hospital de Amor de Barretos, foi entregue em outubro do ano passado e selecionou toda a equipe de profissionais de saúde e atendimento na própria região.

A unidade de Imperatriz realiza exames de mamografia e Papanicolau, consultas, biopsias, ultrassonografia, pequenas cirurgias de mama, colposcopia e conização – uma cirurgia que consiste na retirada de uma parte do útero. Além disso, duas carretas percorrem desde março os municípios, realizando consultas e exames de Papanicolau para mulheres na faixa dos 25 aos 64 anos e mamografia para mulheres entre 50 a 69 anos.

Principal articulador para a instalação do hospital em Imperatriz, o senador Weverton destinou R$ 40 milhões em emendas para a construção da unidade e comemora os resultados dos atendimentos.

“O sentimento que tenho é de muita alegria por poder proporcionar às mulheres do meu estado um atendimento de qualidade e que vai salvar vidas. Me emociono em saber que tantas mulheres estão tendo acesso facilitado a exames tão importantes, pois sabemos o quanto o diagnóstico precoce é fundamental no combate ao câncer”, afirmou.

O coordenador médico das unidades de prevenção do Hospital de Amor, Raphael Luiz Haikel Júnior, disse que a procura é grande e com o diagnóstico precoce, as chances de cura aumentam. “Quanto mais rápido for o diagnóstico e a detecção precoce acontecer, a mulher terá um tratamento mais rápido, um tratamento menos invasivo, uma cirurgia menor, uma quimioterapia mais branda, um tratamento eficiente de radioterapia” afirmou.

O médico explicou que, com a detecção e tratamento em estágio inicial, as chances de cura do câncer de mama chegam a 95% e a 99% em casos de câncer de colo de útero.

“Além disso, no colo de útero podemos identificar as lesões precursoras, que são aquelas que podem virar um câncer, que também conseguimos tratar no Hospital de Imperatriz. Pedimos que as mulheres procurem as unidades, que façam os exames de prevenção e com isso vençam essa luta tão difícil que é a luta contra o câncer. Temos um meio de conseguir a vitória que é através da prevenção”, explicou Raphael Haikel Júnior.

Custeio – O Hospital de Amor é uma instituição filantrópica, que se manter com recursos de doações de pessoas físicas, jurídicas e verbas do SUS. No início, senadores e deputados maranhenses garantiram a destinação de R$ 6 milhões para ajudar no custeio anual do hospital. O senador Weverton destinou uma emenda de emenda de R$ 2,2 milhões.

“Juntos estamos dando meios para as mulheres da região combaterem e vencerem o câncer enfermidade”, destacou Weverton.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!