BABADO DA SEMANA

Prefeita de Central-MA deixa população sem água

Moradores são obrigados a comprar água em carros pipa para uso

Em Central do Maranhão a população trocou o ruim pelo pior nas eleições de novembro de 2020. Trocou Ismael Monteiro pela atual prefeita Fechinha  (Republicanos). A ex-vereador chegou ao cargo do executivo com o discurso de mudança, prometendo mundos e fundos a população, mas depois de 10 meses no comando do município, os centralenses perderam a paciência.

Com uma administração desastrosa, nenhum benefício chaga aos moradores que penam pela falta de políticas públicas, e coisas básicas não chegam às casas dos cidadãos.

Na última quinta-feira (28), um morador da Rua Domingos Felisberto, fez um registro, narrando um fato lamentável que corriqueiramente acontece em Central, principalmente nesta gestão, desde que Fechinha assumiu o comando do município.

Bairros e povoados estão sem água para o consumo básico, e moradores são obrigados a comprar água para suas residências. Segundo o morador, o abastecimento custa R$ 30, por residência. A prefeita não se manifestou sobre o caso até o momento.

A residência, onde o morador gravou o vídeo, tem uma idosa com deficiência. Uma ação desumana da prefeita da cidade que trata moradores com mão de ferro. O Ministério Público precisa agir urgentemente.

Por Vandoval Rodrigues

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo