SÃO LUÍS

Projeto Cuidar + realiza cerca de 600 atendimentos

A Ação Social aconteceu em alusão ao Novembro Azul

O Parque Bom Menino, localizado no Centro de São Luís, foi palco para mais uma ação realizada pelo Projeto Cuidar Mais, na manhã deste sábado (26). O local foi ocupado por homens que, dando exemplo de como manter a saúde em dias, buscaram pelos serviços ofertados de forma gratuita.

Foram cerca de 600 atendimentos realizados durante a ação intitulada “Se cuida, homem”. Quem esteve no local pôde receber consultas especializadas com urologista, cardiologista, dermatologista, clínico geral, além de cuidados do bem estar e terapias integrativas. Também foram disponibilizados testes de prevenção de IST/ AIDS, além de testes rápidos e vacinação para Covid-19.

Ao todo, foram aplicadas 48 doses de vacinas da Covid-19, 30 da Influenza, além de vacinas também contra hepatite e febre amarela, para quem precisava colocar em dias o cartão de vacinação.

A ação contou com apoio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semmam), Secretaria Municipal de Desporto e Lazer (Semdel), Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania (Semusc), Agência Municipal de Desenvolvimento Econômico e Social (Amdes), Secretaria Municipal de Comunicação (Secom), Secretaria Municipal de Cultura (Secult), Instituto Municipal de Paisagem Urbana (Impur), Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), Açai Sunset e da Cruz Vermelha do Maranhão.

A coordenadora do projeto, Graziela Braide destacou a importância da ação para conscientização masculina no cuidado com a saúde. “Tivemos vários homens aqui sendo atendidos, o que é muito bom. Nós sabemos que hoje, infelizmente, muitos homens ainda tem essa falta de cuidado com a saúde, isso por conta do preconceito. Essa ação social é fundamental para você, homem, se conscientizar e se cuidar”, declarou Graziela Braide.

O aposentado Antonilson Monteiro Fonseca, de 65, morador da Cidade Operária teve conhecimento da Ação e tratou de chegar cedo para se consultar. Ele aprovou a iniciativa e frisou a necessidade da prevenção contra o câncer de próstata. “Nós temos que nos prevenir. Eu, pelo menos, sempre vou ao médico, já fiz o exame do toque várias vezes. O preconceito de muitos homens em se precaver contra essa doença é muito bobo. É um exame tão rápido”, destacou Antonilson.

Câncer de Próstata

O câncer de próstata é o tipo de câncer mais comum entre os homens. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), um homem morre a cada 38 minutos devido à doença. Até o final de 2022, o câncer de próstata deve acometer 65.840 pessoas. Cerca de 75% dos casos atingem homens com 65 anos ou mais e a doença mata mais de 15,5 mil brasileiros todos os anos.

O câncer de próstata não apresenta sintomas e quando os sinais começam a aparecer, cerca de 95% dos tumores já estão em fase avançada. Entre os principais sintomas da fase avançada estão: dor óssea, dores ao urinar, vontade de urinar com frequência e presença de sangue na urina ou no sêmen.

Segundo o urologista, José Domingos Soares Miranda, que participou do “Se cuida, homem”, o diagnóstico precoce é a melhor forma de garantir a cura do câncer. “O Novembro Azul foi uma data designada para que a gente oriente os homens acima de 45, 50 anos de idade, a procurar fazer a prevenção da doença da próstata. O câncer de próstata não apresenta sintomas. O que nós queremos é encontrar a doença precocemente, ou seja, localizada. Quando o câncer é detectado no início, na chamada doença localizada, ele é curado em mais de 90% dos casos”, frisou o médico.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo