ALCÂNTARA

CLA diz não à Prefeitura de Alcântara no combate a Covid-19

Após solicitar ajuda, a Prefeitura de Alcântara recebeu um NÃO do Centro de Lançamento de Alcântara e se recusou ajudar o município no combate ao Covid-19

Com a crise sanitária que o Brasil atravessa neste momento de Pandemia causada pelo Novo Coronavírus, afetando diretamente a economia do país, o que reduz automaticamente os repasses aos municípios brasileiros e dificulta investimentos maiores na área de saúde pública, a Prefeitura de Alcântara pensando em ajudar ainda mais a população no combate a proliferação da Covid-19, tentou encontrar uma alternativa ao solicitar apoio ao Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), mas infelizmente a gestão municipal não obteve essa ajuda.

A equipe do Portal G7 teve acesso ao ofício da Prefeitura de Alcântara assinado pelo prefeito Anderson Wilker solicitando ao CLA apoio no combate ao Covid-19 no município, assim como também tivemos acesso ao ofício resposta do CLA, que nega ajuda ao povo de Alcântara.

Após o G7 ter acesso aos documentos, entramos em contato com o prefeito de Alcântara, Anderson Wilker, que confirmou o pedido de ajuda ao CLA e se mostrou bastante decepcionado com a atitude negativa do Centro de Lançamento de Alcântara. “Temos observado país a fora a união de forças no combate ao Covid-19, governo federal, municípios, estados e instituições públicas, empresas e ONG’s . Mas em Alcântara isso não acontece, solicitamos apoio do CLA que tem toda uma estrutura médica com profissionais e equipamentos, mas infelizmente disponibilizaram apenas a lancha para o transporte de nossas equipes. O povo de Alcântara espera mais e precisa contar de forma efetiva com o Centro de Lançamento de Alcântara”, destacou o prefeito de Alcântara-MA.

O ofício Nº 26/2020-GABPREF, assinado pelo prefeito Anderson Wilker de Abreu Araújo, dia 24 de março de 2020, e encaminhado também para a Promotora de Justiça da Comarca de Alcântara, Raquel Madeira Reis. Em seu ofício, o prefeito solicitou Ambulância para dar suporte ao município nos casos emergenciais que necessitem de deslocamento para unidades hospitalares na capital do estado, por meio de avião/lancha, doação de EPI’s para as equipes de apoio e para Unidade de Isolamento Provisório, entre outras ajudas como mostra cópia do ofício abaixo.

Em conversa com um militar reformado do CLA, que não quis se identificar, ele afirmou que o Centro de Lançamento de Alcântara dispõe de médicos, enfermeiros e efetivo que poderiam ajudar o município na abordagem e orientações à população sobre a Covid-19, além de ambulâncias, veículos e outros equipamentos que poderiam ser disponibilizados no combate a proliferação do novo coronavírus.

Um morador de Alcântara, falou com nossa equipe sobre a negativa do CLA em ajudar o município no combate ao Covid-19, e ele viu como falta de responsabilidade social. “Há tempos o CLA não faz nada por nosso povo, não contribui com o município em nada e principalmente com a população das comunidades atingidas pelo Centro de Lançamento de Alcântara, que há mais de 30 anos tem uma dívida histórica com os quilombolas”, destacou o morador alcantarense que ficou decepcionado com a atitude do CLA.

Para tentar explicar sua omissão com o município de Alcântara, o CLA disse em seu ofício Nº 10/SIJ/13801, de 26 de março de 2020, assinado pelo Coronel Aviador Marcello Correa de Souza, que também foi encaminhado para a Promotora de Justiça da Comarca de Alcântara, Raquel Madeira Reis, que não poderia ajudar o município de Alcântara, haja vista que o Mistério de Desenvolvimento havia enviado dia 20 de março o Centro de Operações Conjuntas para atuar na coordenação e planejamento do emprego das Forças Armadas no combate à Covid-19, mas até esta data nunca chegou nada em Alcântara-MA. Veja a cópia do ofício abaixo.

Por está instalado no território alcantarense, o Centro de Lançamento de Alcântara, através de seus representantes deveria copiar o bom exemplo de outras instituições que estão contribuindo no combate ao Covid-19 em vários municípios brasileiros. Mas não foi o que aconteceu com o CLA ao ser solicitado pela Prefeitura de Alcântara para ajudar salvar vidas.

Entramos em contato com o CLA através dos números (98)3311-9000 e (98)3311-9292, além de enviar e-mail solicitando uma resposta quanto ao ofício de resposta à prefeitura de Alcântara através do endereço eletrônico: protocolo.gapak@fab.mil.br e scs.cla@fab.mil.br, mas até o fechamento desta pauta não havíamos recebido resposta.

Como o DeadLine ou data limite para publicação desta matéria foi estipulado até as 10h desta terça-feira (05), aguardamos a nota do CLA após o limite dado e publicamos. Mas o espaço no Portal G7 fica aberto para qualquer explicação do CLA.

Por G7

 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VERIFIQUE TAMBÉM

Close
Close