CÂMARA DE SÃO LUÍS

Fátima Araújo mete a mão na massa para recuperar rua em São Luís

O trabalho é árduo, mas o resultado será satisfatório para os moradores no Residencial João Alberto

Há uma semana a vereadora Fátima Araújo (PCdoB) está metendo literalmente a mão na massa para recuperar uma rua abandonada pelo poder público municipal. O serviço está sendo realizado em regime de mutirão e conta com o apoio dos moradores do bairro Residencial João Alberto.

Desde o último sábado, dia 18 de maio, a luta para concluir os serviços da Travessa Terezinha de Sousa, no bairro do Residencial João Alberto tem sido constante. Um abismo de mais de 10 metros de profundidade foi entulhado e recebeu 14 carradas de Piçarra, todas compradas pela vereadora Fátima Araújo. Em sua página na rede social Facebook, a Pequena Guerreira agradeceu à Deus e aos moradores por acreditarem em seu trabalho.

Por causa do abandono da Travessa Terezinha de Souza, centenas de famílias eram obrigadas a andar mais de um quilômetro para pegar um ônibus, já que o único acesso estava em condições precárias, principalmente pelo grande abismo que dificultava o tráfego de crianças e idosos.

A vereadora Fátima Araújo comprou 14 carradas de piçarra, mil tijolos, uma carrada de areia, uma carrada de pedra brita e 20 sacos de cimento. A situação era tão complicada que as residências corriam risco de desabamento devido o abismo e a quantidade de chuva que cai na região.

O  mutirão já está em andamento há 10 dias, mas a Travessa Terezinha de Sousa no bairro Residencial João Alberto, começa a ganhar formato de rua e os moradores terão dignidade após a conclusão do serviço. Agora a concretagem está em fase de conclusão dos serviços.

“Quero agradecer aos moradores que abraçaram o mutirão, trabalharam de sol a sol e isso é importante, nos dá mais forças para continuar a luta. É a segunda ação que fazemos no Residencial João Alberto. Já fizemos um trabalho na rua Terezinha de Souza (uma ponte enorme) e agora estamos fazendo a concretagem na Travessa Terezinha de Souza. Estou sempre fazendo o possível do impossível para ajudar as comunidades”, finalizou.

 

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close