BABADO DA SEMANA

Goleiro Bruno vai vestir a camisa do Poços de Caldas-MG

Essa é a segunda vez que o goleiro Bruno deixa a prisão e acerta com um time de futebol mineiro

O Poços de Caldas Futebol Clube, que vai disputar a Série C do Campeonato Mineiro, anunciou nesta terça-feira (27), a contratação do goleiro Bruno, ex-Flamengo e que estava preso desde 2010. Ao lado de Paulo César da Silva, presidente do clube, Bruno posou já com a camisa do Vulcão.

A contratação do goleiro Bruno já havia sido confirmada pela presidência do Poços de Caldas, mas por conta da situação do goleiro no regime semiaberto, restavam alguns detalhes a serem acertados com a Justiça.

Bruno irá se juntar ao elenco do clube mineiro para disputar a terceira divisão do campeonato estadual na próxima temporada. Essa é a segunda vez que o goleiro Bruno deixa a prisão e acerta com um time de futebol profissional.

Em 2017, Bruno foi contratado pelo Boa Esporte, após sua primeira saída da cadeia. Bruno ganha direito ao regime semiaberto. A Justiça de Minas Gerais decidiu, no dia 19 de julho, conceder regime semiaberto domiciliar ao ex-goleiro Bruno Fernandes, condenado pelo homicídio de Elisa Samúdio em 2010. A decisão foi
proferida pelo juiz Tarcíso Moreira de Souza, da Vara de Execuções Penais de Varginha (MG).

Bruno deixou a prisão na tarde desta sexta-feira (23). Em 2013, Bruno foi condenado a 20 anos e nove meses pelos crimes de homicídio triplamente qualificado, sequestro e ocultação de cadáver. Bruno ganhou direito ao benefício após ter cumprido o tempo necessário para progressão da pena, conforme está previsto na Lei de Execuções Penais (LEP).

Ele estava preso desde 2010. Pela decisão do juiz, o ex-goleiro deverá trabalhar durante o dia e retornar para casa à noite. Ele também está proibido de sair de casa entre as 20h e as 6h, além de frequentar bares e boates.

Por Imirante

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo