BABADO DA SEMANA

Maranhão bate recorde de óbitos em 24 horas

O Maranhão já registrou 817 óbitos, o que mostra estado de risco

Apesar da “experiência” de iniciar a flexibilização do isolamento, por parte do governador do Maranhão, Flávio Dino, os números da Covid-19 seguem altos, foram quase 1.500 novos casos, a maioria no interior, e o novo recorde de mortes, foram 33 novos óbitos somente em 24 horas.

No boletim da Secretaria de Saúde desta segunda-feira (25), o Maranhão registrou 1.492 novos casos (172 na Região Metropolitana e 1.320 no interior maranhense), o boletim trouxe também 33 novos óbitos (nove na Região Metropolitana e 24 no interior maranhense) e incluiu mais dois municípios (São Roberto e Sucupira do Riachão), continuando ainda sem a cidade de Passagem Franca, que desde o dia 14 de maio já teve registro confirmado nas redes sociais da Prefeitura .

Com isso, o balanço atual do coronavírus no Maranhão é o seguinte: 24.278 casos, com 817 mortes, 5.941 pessoas recuperadas, 1.181 suspeitos e já são 209 municípios maranhenses que já tiveram registros oficiais Covid-19. Ou seja, já temos quase 97% das cidades do Maranhão com pessoas infectadas.

Sobre os leitos, atualmente a ocupação de leitos de UTI na capital é de 96,96%, já de leitos clínicos é de 72,21%. No interior, com exceção de Imperatriz, a ocupação de leitos de UTI está em 71,68% e leitos clínicos em 69,90%. Já em Imperatriz, a ocupação de leitos de UTI, infelizmente, alcançou 100%, já de leitos clínicos é de 90,74%.

Vale destacar ainda que, até o momento, já tivemos 921 profissionais da Saúde infectados, mas com 800 recuperados e, infelizmente, 17 óbitos durante toda a pandemia.

Os 33 novos óbitos vieram: Anajatuba (01); Apicum Açu (01); Timon (01); Urbano Santos (01); Lago da Pedra (01); Olinda Nova (01); Presidente Dutra (01); São João Batista (01); Santo Antônio dos Lopes (01); São Bento (01); Brejo (02); Carutapera (02); Zé Doca (02); Godofredo Viana (02); São José de Ribamar (02); Chapadinha (03); Mirinzal (03); São Luís (07).

Brasil – No Brasil atualmente temos 374.898 casos, com 23.473 óbitos. O país é o segundo no mundo em número de casos, perdendo apenas para os EUA.

Por Jorge Aragão

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo