NOTÍCIAS

Para ser parceiro da gestão Braide, precisa ser cego, mudo e surdo

Eduardo Braide não gosta de parceria de mão dupla. Ele gosta de mão única, já que tem medo de ser atropelado

Uma publicação no blogue da jornalista Jacieny Dias, desta quinta-feira (9), me chamou bastante atenção pelo fato de se referir ao prefeito de São Luís, Eduardo Braide, que segundo vereadores, é centralizador, perseguidor e rancoroso. Por adorar ser tratado como Rei, Braide não tolera críticos.

Jacieny que é uma sobrevivente da comunicação independente neste estado, é mais uma profissional da comunicação, que presta um grande serviço, mas por ser independente e não ter rabo preso com ninguém, acaba sendo escanteada, mesmo sendo melhor que muitos por por aí.

Desde o início de sua gestão, Eduardo Braide só fechou parceria, com quem foi indicado por aliados ou por imposição, já que percebia ser ameaçado, por ter rabo de palha. Atualmente 90% de parcerias são com quem ficam em silêncio e não divulgam as mazelas da gestão. Entre os parceiros, 89% são com os aliados de Edivaldo Holanda Júnior, que bateram nele, desde 2016, dia e noite. Foram os primeiros a serem chamados para a tal parceria. A parceria que Braide gosta, não é de mão dupla, mas sim de mão única, já que Braide tem medo de ser atropelado pelos agora parceiros.

VEJA ABAIXO A ÍNTEGRA DO TEXTO DA JORNALISTA JACIENY DIAS

Ridículo! Sim, essa é hoje a palavra que eu encontro para denominar o tratamento da Prefeitura de São Luís para aqueles que fazem a comunicação independente na capital maranhense. E eu me incluo no meio.

“A Prefs” está investindo milhões no São João 2022. E onde ela mais divulga essa campanha? Simplesmente na emissora afiliada da Globo no Maranhão. E para aqueles que fazem a comunicação independente o que foi disponibilizado pela Comunicação da Prefeitura? N-A-D-A.

O que tenho visto há vários meses é que o Prefeito Eduardo Braide está sendo seletivo na divulgação institucional. Para isso, basta acompanhar os blogs onde estão as mídias que o gestor autoriza.

“Fica até difícil manter um bom relacionamento com a Secretária de Comunicação e com o Prefeito se vocês não sabem fazer um relacionamento de mão dupla. A partir de hoje não entrarei mais em contato com vocês”, disse para o Secretário Municipal de Comunicação, Igor Almeida, após receber dele um “Ainda não tenho resposta”, após 20 dias de uma proposta que foi enviada. Isso é uma falta de respeito!

E o que quis dizer com “relacionamento de mão dupla”? Simplesmente também receber mídia da “Prefs’ assim como está sendo divulgado na TV, redes sociais e nos blogs. Nenhum programa de TV, nenhuma rádio, nenhum jornal em São Luís, e no resto do mundo, vive sem publicidade. Por isso friso a questão do relacionamento de mão dupla. Não é somente dizer “abrimos credenciamento para os veículos, profissionais e programas independentes”, até porque credenciar não significar anunciar.

Torno a repetir: é ridículo essa atitude! E como disse ao auxiliar da SECOM, por não aceitar esse tipo de tratamento dispensado a minha pessoa prefiro “cortar qualquer tipo de relacionamento com a Prefeitura de São Luís”.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!