ELEIÇÕES

Por 7 a 0 TSE confirma vitória de Dr. Julinho nas urnas

Por unanimidade ministros votam pelo deferimento da candidatura de Dr. Julinho

O povo ribamarense e o TSE decidiram que os atores do atraso não voltarão mais para comandar o município de São José de Ribamar nos próximos 4 anos. A primeira derrota acachapante sofrida pela dupla do atraso aconteceu dia 15 de novembro de 2020 nas urnas. Achando pouco, os incompetentes recorreram ao Tribunal Superior Eleitoral, onde foram humilhados mais uma vez por 7 a 0.

Por unanimidade os ministros do TSE deferiram o registro de candidatura do prefeito de São José de Ribamar-MA, Júlio Matos – o Dr. Julinho (PL), num processo que vinha se arrastando desde as eleições de 2020. A Corte Superior Eleitoral consagra em definitivo a escolha livre e soberana do povo ribamarense.

Os sete ministros manifestaram esse entendimento no julgamento do Recurso Especial interposto pelo Ministério Público Eleitoral e pela Coligação Pra Frente, Ribamar, encabeçada pelo ex-prefeito Eudes Sampaio (PTB), contra o acórdão do  Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA).

O julgamento aconteceu no plenário virtual onde cada ministro teve uma semana para decidir seu voto. Com o placar favorável ao povo de São José de Ribamar-MA, Dr. Julinho está livre desse processo na justiça eleitoral, que só tinha um objetivo: atrapalhar a gestão o desenvolvimento do município.

Dr. Julinho foi eleito em novembro de 2020 com 36,23% dos votos válidos. Foram 27.504 votos no total – 7 mil a mais que o segundo colocado, que vai ter se contentar com a derrota para o resto da vida.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo