LIMPEZA PÚBLICA

Sem coleta de lixo, salários atrasados e trabalhadores perseguidos: esse é o cenário da gestão Heliezer em Peri-Mirim

Há quase 270 dias no comando da prefeitura de Peri-Mirim, prefeito Heliezer Soares destrói o que restava no município

O blogue do Leonardo Cardoso publicou nesta quinta-feira (23), uma denúncia que precisa ser averiguada pelos vereadores e Ministério Público do Maranhão a respeito da gestão do prefeito de Peri-Mirim, Heliezer Soares (PCdoB), que parece ainda não ter encontrado a página da Lei Orgânica do município que fala sobre como um gestor precisa se comportar no cargo e respeitar a população. Heliezer, segundo a população, está perdido mais que cego em tiroteio.

Segundo publicou o jornalista Léo Cardoso, várias denúncias foram encaminhadas a ele por moradores de Peri Mirim, na quarta-feira, 22 de setembro, reclamando da falta de coleta de lixo na cidade, e alguns alegam que já é um problema recorrente, já que até o determinado momento está sem solução mesmo com o conhecimento do gestor e sua equipe. Segundo chegou até o Portal G7, quem reclama da gestão é perseguido por secretários, sendo servidor ou não.

O jornalista Leonardo Cardoso diz ter investigado e buscado a veracidade das denúncias para saber o que poderia está acontecendo para que o problema continuasse a persistir e teria descoberto através de suas fontes, que o grande problema parte da falta de combustível para que os veículos da prefeitura, que por sua vez segundo as fontes, os Postos de Gasolina não estariam recebendo pagamento em dia como fornecedor de combustível. De acordo com uma fonte, a dívida já estaria ultrapassando a casa dos R$ 200 mil reais.

De acordo com a publicação do blogue do Leonardo Cardoso, o posto de combustível que fornece para a prefeitura, mesmo no prejuízo de alguns milhares de reais ainda estaria liberando combustível somente para às ambulâncias, tendo em vista a importância desse serviço para à população.

Outro grande problema grave, segundo a denúncia, seria a exploração dos trabalhadores da limpeza urbana que se mesmo trabalhando de forma exaustiva estariam com mais de 2 meses de salários atrasados. Além disso, Heliezer e seus secretários estariam perseguindo servidores que reclamam da gestão ou do prefeito.

Fonte: Blogue Leonardo Cardoso

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo