ELEIÇÕES

Antes de ser prefeito, Fred Campos já tenta suas manobras antirrepublicanas

O candidato a prefeito do PL tentou barrar reforma da Unidade Mista do Maiobão para beneficiar construtora da própria família e atrasou a obra

Mensagens que circulam nas redes sociais revelam que o advogado e candidato a prefeito de Paço do Lumiar, Fred Campos (PL) tentou uma manobra na justiça para barrar a reforma da Unidade Mista do Maiobão. O motivo: ele queria beneficiar a construtora do seu pai, a Quartzo Engenharia.

Em 2018, Fred Campos ingressou com mandado de segurança no Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão (TJ-MA) e com denúncia no Tribunal de Contas do Estado (TCE-MA) contra o Governo do Maranhão, pedindo a suspensão da contratação da Athos Construções Ltda, empresa vencedora do processo licitatório aberto em 2017 para a reforma do equipamento de saúde.

tjma
Fred Campos já tenta suas manobras antirrepublicanas

À época, o candidato do PL argumentou nos tribunais que a Quartzo Engenharia teria sido prejudicada com a concorrência, uma vez que a construtora da sua família havia vencido a primeira licitação para execução da reforma, ainda no ano de 2012. O problema é que as obras foram paralisadas em 2014, quando foi considerado que a empresa Quartzo abandonou a obra.

Contrariando as expectativas de Fred Campos, a Procuradoria Geral do Estado do Maranhão (PGE-MA) conseguiu autorização judicial em 2018 para dar continuidade às obras. Atualmente a reforma está em curso e a obra deverá ser entregue à população luminense em 90 dias, um duro golpe aos interesses econômicos da empresa do pai de Fred.

Diálogo vazado nesta quinta-feira (22/10) aponta o verdadeiro motivo pelo qual Fred Campos tanto queria vetar a reforma. Em conversa com uma pessoa identificada como Carliene, Fred confirma que tentou barrar a obra para beneficiar a empresa da sua família.

“Não houve uma tentativa minha de obstrução/impedimento da construção da Unidade Mista. O que eu tente foi ajudar a empresa do meu pai (que já construiu o TER, INSS, Domingos Vieira Filho, mais de 250 casas residenciais em Paço e etc.) a vencer a licitação”, afirmou Fred Campos.

Investigado pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) por suposta prática de lavagem de dinheiro e corrupção envolvendo um posto de combustível de propriedade do candidato, Fred Campos também terá que explicar mais essa acusação aos eleitores.

Vamos aguardar…

Por Leandro Miranda

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo