BABADO DA SEMANA

Bolsonaro usa nome de jovem de 16 anos em seu exame de coronavírus

Rafael é um adolescente do Distrito Federal, filho de uma tenente da Forças Armadas

O presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido-RJ) usou dois pseudônimos para fazer seus exames de coronavírus. Um deles, Rafael Augusto Alves da Costa Ferraz, que é na verdade, o nome de um jovem de 16 anos que mora no Distrito Federal.

O pai de Rafael, José Ferraz, proprietário de uma farmácia de manipulação, diz não ter ideia do motivo para que o nome do filho tenha sido usado pelo presidente em seu exame para coronavírus.

Ferraz afirma que não conhece Bolsonaro pessoalmente e diz que até gosta de algumas medidas (“acho que diminuiu a corrupção”), mas acha que ele “fala muito”.

O filho, de acordo com a coluna Painel, da Folha, tem acesso ao Hospital da Força Aérea por causa da mãe, tenente-coronel Maria Amélia, mas José diz que ele não fez teste para o coronavírus.

Por outro lado, o laboratório Sabin afirma que recebeu as amostras já identificadas do Hospital das Forças Armadas.

‌A troca de nomes, então, partiu de Bolsonaro ou do hospital.
Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo