NOTÍCIAS

Empresa alvo da PF em Santa Helena, ganhou mais de R$ 9 milhões de prefeituras do Maranhão

A empresa tinha 14 contratos com administração pública, sendo 11 deles na cidade Santa Helena

Um levantamento da Folha do Maranhão aponta que a empresa J Jarbas A Froes – EPP (JJ TRANSPORTE), principal alvo da Operação Contabilista realizada na manhã de ontem (16) pela Polícia Federal na cidade Santa Helena, possui mais de R$ R$ 9.640.030,00 com prefeituras do Maranhão.

De acordo com o levantamento, a empresa já tinha fechado 14 contratos com administração pública, sendo 11 deles na cidade Santa Helena, 2 contratos da cidade de Turilândia e 1 contrato na cidade São João Batista. Todos nos mesmos segmentos, locação de veículos ou realização de transporte de alunos de escola pública.

Segundo a PF, a empresa era direcionada para ganhar contratos na prefeitura de Santa Helena sob gestão do prefeito Zezildo Almeida, no qual seria o contador da empresa. Ainda de acordo com a investigações da Polícia Federal, após receber pagamentos referentes aos serviços prestados, a empresa fazia transferência para funcionários de confiança da prefeitura de Santa Helena, e que supostamente estariam ligados ao gestor municipal.

Santa-Helena Empresa alvo de operação da PF em Santa Helena ganhou mais de R$ 9 milhões com prefeituras do MA; veja a lista

Ainda de acordo com PF, a empresa não possuía capacidade técnica nem funcionários. Segundo dados da Receita Federal, a empresa está em nome de Jadson Jarbas Alves Froes, e está localizada na Rua Gonçalves Dias, Centro de Santa Helena.

Investigações da Folha do Maranhão apontam que Jadson Froes sofreu a busca e apreensão de veículo no ano de 2020 movido pela empresa BV Financeira S/A por falta de pagamento.

CNH-JADSON-JARBAS-ALVES-FROES Empresa alvo de operação da PF em Santa Helena ganhou mais de R$ 9 milhões com prefeituras do MA; veja a lista

Durante coletiva na sede da Polícia Federal em São Luís, os delegados afirmaram que pediram o afastamento do prefeito, assim como de 4 funcionários públicos do município, porém o pedido foi negado pela justiça.

Por Folha do Maranhão

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!