NOTÍCIAS

“Eu não troco de partido como troco de roupa”, diz Weverton em entrevista à TV Mirante

Senador se referiu ao vice-governador que já esteve no PSDB, PRB, PSDB novamente e agora vai para o PSB

Em entrevista à TV Mirante nesta quarta-feira (2), Weverton Rocha (PDT) voltou a criticar postura do vice-governador Carlos Brandão (PSDB) que está de saída do ninho tucano em direção a um partido de esquerda com o único intuito de garantir o apoio de Lula (PT) nas eleições deste ano.

“Não tenho nada contra Carlos Brandão, mas ele não é do nosso campo e agora ele vem se vestir de socialista, virar lulista ou esquerdista. Eu não troco de partido como troco de roupa. Não dá para ser na moda”, disse o pré-candidato ao governo do Maranhão.

O senador ainda destacou que tem todo o interesse em apoiar o governador Flávio Dino (PSB) em sua candidatura ao Senado Federal e manterá o diálogo com a sua base aliada para que esse projeto se concretize.

“Eu disse ao governador Flávio Dino que temos todo o interesse em apoiá-lo. Vamos dialogar daqui até as convenções e construir esse ambiente. Nosso grupo, a maioria absoluta, é a favor que se faça essa construção. A política é a arte do diálogo e dialogaremos com ele  para tentar construir esse entendimento”, afirmou.

Aos 42 anos de idade, Weverton é o político maranhense que mais cresceu politicamente no estado: saindo de líder estudantil para ser secretário de Estado, depois deputado federal, senador e agora busca o maior posto da política estadual, governador do Maranhão. E um detalhe importante, continua no mesmo partido desde a militância estudantil, não vem de família tradicional de políticos, algo pouco visto no meio.

Por Marrapá

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!