NOTÍCIAS

Família de Pastor faz campanha para tentar fazer cirurgia dele

O pastor está internado no Hospital Antenor Abreu na cidade de Pinheiro-MA

A saúde pública no Maranhão de Flávio Dino é cada vez pior. Desesperados e com medo perde seu parente, família do pastor Ronilson, que está internado há 05 dias no hospital Antenor na cidade de Pinheiro, após ser vítima de um acidente de motocicleta e ficar com a mão e a perna quebradas, inicia uma campanha para angariar recursos visando realizar uma cirurgia.

Com medo de ter a perna do parente amputada, familiares fazem campanha na internet para tirar o paciente do Antenor Abreu, levar para o Macro Regional ou para São Luís.

O problema é que o município de Pinheiro estaria sem ambulância, o que está dificultando a remoção do paciente. A única ambulância que o SAMU tem, está quebrada. Como o hospital Antenor Abreu não tem nada e não faz cirurgia há muito tempo, tem servido apenas como recebedor e transportador para o Macro ou pra São Luis.

No caso do Pastor, várias foram as tentativas de transferi-lo para o Macro ou para São Luis, mas sem sucesso. No desespero e com medo do pior, familiares estão apelando aos irmãos da Igreja Assembleia de Deus e à população pinheirense para arrecadar R$10.000.00 (dez mil reais) que serviria para fazer a cirurgia em uma clínica particular da capital.

Essas denuncias são recorrentes há muito tempo nos hospitais de Pinheiro e sem nenhuma providência contra esses abusos cometidos pelo prefeito Luciano Genésio, segundo denúncia. De acordo com as denúncias, sem nenhuma justificativa os funcionários deixam de atender por falta de material básico, de medicamentos e de profissionais, apesar do dinheiro que chega todo mês.

Segundo denúncia, o prefeito Luciano Genésio havia anunciado que fez um alinhamento com o Ministério Público de Pinheiro. Parceria não pode se confundir com compromisso de fiscalizar gestores.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!