BABADO DA SEMANA

Geraldo Amorim, pode ter cometido crimes ao destruir documentos da saúde de Peri-Mirim

O atual prefeito de Peri-Mirim iniciou o sepultamento da saúde com a transferência dos equipamentos para prédio abandonado e queima de arquivos

O atual prefeito de Peri Mirim-MA, Geraldo Amorim deve entrar para Guinness Book como o único médico do planeta que adora destruir a saúde pública. Se não bastasse o desmando durante sua gestão, “Dom Bigodon” realizou literalmente o sepultamento da saúde pública de Peri-Mirim.

Nesta quarta-feira (23) faltando 8 dias para encerrar seu mandato, Geraldo pode ter cometido um crime grave contra a saúde pública, segundo denúncias, ao realizar a transferência de todos os equipamentos de sua clínica, onde funcionou o hospital São Sebastião, durante sua gestão, para o antigo prédio, que foi abandonada pelo próprio Geraldo Amorim. OUÇA OS ÁUDIOS ABAIXO E TIRE SUAS CONCLUSÕES.

 

Pouco preocupado com a população perimiriense antes e após a derrota humilhante,  Geraldo Amorim, segundo denúncias, está adotando uma tática criminosa na tentativa de sabotar a gestão do prefeito eleito e diplomado, Heliezer Soares, destruindo a saúde pública de Peri-Mirim. A medida adotada visa prejudicar seu principal adversário político, mas na verdade vai atingir diretamente os que mais precisam, o povo, o que o elegeu prefeito em 2016.

De acordo com a denúncia, Geraldo Amorim supervisionou toda ação de dentro de sua caminhonete, de acordo com um vídeo que circula nas redes sociais. Muitos documentos ficaram espalhados pelas ruas da cidade, após Geraldo autorizar a retirada da documentação para ser jogada o lixão do município e queimada.

Além de deixar o município sem hospital, Geraldo Amorim comete um crime federal ao queimar arquivos, documentos suspeitos, com informações pessoais de pacientes. O Ministério Público precisa agir urgentemente antes do final de dezembro para chamar Geraldo Amorim na Xinxa.

Com o município destruído durante 4 anos de gestão, a única ambulância que funcionava para salvar vidas no município, parou de funcionar esta semana por falta de manutenção e está jogada em uma oficina em São Luís  com problemas mecânicos.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo