POLÍTICA

Lahésio Bonfim que se apresenta como candidato de direita, já foi do PSB e teve vice do PT

Pré-candidato ao governo do Maranhão acha que a população maranhense é pobre de informações

O pré-candidato ao Governo do Maranhão, Lahésio Bonfim (PSC), anda pregando nos quatro cantos que é candidato de direita, para tentar abocanhar votos de bolsonaristas. O certo mesmo, é que Lahésio nunca foi de direita e sempre esteve colado à esquerda para tentar abraçar o poder.

Em 2012, Lahésio Bonfim foi candidato a vice-prefeito de São Pedro dos Crentes, mas acabou amargando uma derrota. Naquela eleição, Lahésio era filiado ao PSB, partido de linha progressista e de esquerda. Em 2016, Lahésio saiu candidato a prefeito pelo PSDB e seu vice, Roberto Vargas, era do Partido dos Trabalhadores (PT). Além disso, Lahésio ainda fez coligação com o PCdoB, tudo pelo poder.

O mais incrível disso tudo, é que na eleição de 2016, Lahésio Bonfim passou a fazer parte do grupo político que havia lhe atropelado em 2012. Lahésio vinha de uma derrota como vice e acabou se aliando a prefeita da época, Luiza Coutinho (PSDB) e foi lançado candidato do grupo pelo partido tucano. Sabe quem foi seu vice? Roberto Vargas (PT), o mesmo vice de Luiza Coutinho.

Em 2020, Lahésio rompeu com o grupo de Luiza Coutinho e saiu para a reeleição pelo PSL, partido da onda bolsonarista. Luiza lançou Leila Coutinho (PRB) para concorrer contra Lahésio. E Lahésio tentou de todas as formas fechar com o PT novamente e conseguiu o Partido dos Trabalhadores novamente, formando a Coligação PSL/PT.

Esse é o candidato de direita, que fez juras de amor por Flávio Dino em 2014 e pelos Sarney em 2018, e para chegar ao poder fecha com qualquer sigla de esquerda. É mais uma bermuda nova, feita de calça velha da política.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!