TRISTE

Morre aos 59 anos, o jornalista Alterê Bernadino

O jornalista prestava serviços na Câmara Municipal de São Luís há décadas

O jornalismo maranhense está de luto. Morreu no inicio da noite desta segunda-feira (2), aos 59 anos, o jornalista Alterê Bernardino Nunes. O profissional de comunicação social fazia parte da Diretoria de Comunicação da Câmara de Vereadores de São Luís e estava integrado no quadro de servidores há décadas.

Alterê Bernardino iniciou sua carreira profissional na década de 80, quando foi contratado como repórter do extinto jornal “Diário do Povo”. Ele ainda teve passagens por vários jornais e revistas da capital maranhense, onde fez um trabalho de descobertas de novos profissionais.

Na Câmara Municipal de São Luís, Alterê Bernardino ingressou no ano de 1984, trabalhando sempre no setor de Comunicação, onde exerceu o cago de direção por duas oportunidades, quando o então vereador Manoel Ribeiro presidiu o parlamento. Já na Assembleia Legislativa teve marcante atuação como diretor adjunto da Casa, ao lado do jornalista e radialista Lauro Leite, que exercia a função de diretor de Comunicação.

Por Isaías Rocha

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close