NOTÍCIAS

Neto Evangelista “desafia” presidente da MOB a debater situação dos ferryboats

Embarcações estão sucateadas e passageiros são humilhados diariamente no Maranhão

O deputado estadual Neto Evangelista, apresentou nesta terça-feira (17), à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Maranhão, requerimento convidando o presidente da Agência de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB), Celso Henrique Rodrigues Borgneth, para prestar esclarecimentos acerca do funcionamento do serviço de transporte aquaviário para travessia de veículos e passageiros, no trecho Ponta da Espera – Cujupe – Ponta da Espera, operado pelos ferryboats pertencentes as empresas Internacional Marítima e Servi-Porto.

“Tenho acompanhado de perto a situação desse sistema de transporte. Nunca foi um sistema bom e agora, depois que o estado tomou conta de um serviço que era pra ele apenas fiscalizar e fazer acontecer o contrato feito junto a ele [Estado], está péssimo. Ou seja, fizeram intervenção em uma empresa, ela tinha três ferryboats funcionando depois que foi pra mão do estado já colocou tudo no prego. A Servi Porto hoje não tem um ferry boat funcionando”, disse Neto Evangelista.
O parlamentar destacou ainda que a população fez protesto no terminal da Ponta Espera, em São Luís e no terminal do Cujupe, em Alcântara. “Não dá pra população ser tratada dessa forma. Precisa se chegar a uma solução para entregar um serviço de qualidade”, completou.
De acordo com o requerimento, também serão convidados representantes da secretaria de Infraestrutura, do Ministério Público do Consumidor, das empresas Servi Porto e Internacional Marítima, das Cooperativas e Associações de transporte autônomo e da Famem, representando os municípios da Baixada Maranhense.
Neto ressaltou por fim que, se os parlamentares aprovarem o requerimento, dialogará com as partes a partir do convite. “Caso isso não seja respeitado podemos fazer uma convocação, e posteriormente, uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI). O Fato é que precisamos dá uma resposta as pessoas que usam esses serviços”, finalizou Neto Evangelista.
É bom lembrar o deputado Neto Evangelista, que o caos já havia sido anunciado há anos, inclusive pelo Portal G7, que sempre criticou a situação precária como as embarcações operavam na travessia a baía de São Marcos. O certo mesmo, é que o nobre deputado só se manifestou agora. Onde Neto Evangelista estava esse tempo todo, que nunca deu um pio a favor dos baixadeiros? Seria por cota do período eleitoral, que o parlamentar apareceu? Com a palavra, a população…
Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!