NOTÍCIAS

Os R$ 150 milhões que saíram da Funben para a Segep

O Fórum do Poder Executivo recebe denuncia de que o governo retirou R$ 150 milhões do FUNBEN para a SEGEP

O Fórum de Defesa das Carreiras do Poder Executivo do Estado do Maranhão, que congrega 16 entidades de classe do poder executivo convocou hoje uma reunião extraordinária e de caráter urgente para fazer a averiguação sobre o desvio de R$ 150 milhões do Fundo de Benefícios dos Servidores Públicos do Estado – FUBEN para uma conta da Secretaria de Gestão, Patrimônio e da Assistência dos Servidores – SEGEP.

O dinheiro seria utilizado para cobrir as folhas de pagamentos de pessoal ativo, aposentados e pensionistas. Caso seja efetivamente confirmado, haja visto até da existência de documento comprobatório, a direção do Fórum de Defesa das Carreiras do Pode Executivo prefere adotar a devida cautela e convocou também as Assessorias Jurídicas de todas as entidades para adotar as providências que se façam necessárias para os devidos esclarecimentos e adoção das medidas necessárias.

O FUNBEN é o Fundo de Benefícios dos Servidores Públicos do Estado do Maranhão, que na realidade é o plano de saúde dos funcionários públicos estaduais, que hoje conta com a adesão de 70 mil funcionários, que pagam 3% do salário de contribuição e mais 1% por cada dependente.

Se já havia uma grande preocupação do Fórum de Defesa das Carreiras do Poder Executivo, desde que o governador Flávio Dino decidiu promover um rombo de R$ 400 milhões no FEPA – Fundo de Aposentadorias e Pensões dos Servidores Públicos do Maranhão, caso venha a se confirmar um novo rombo desta vez no FUNBEN, o governo compromete não apenas as aposentadorias e pensões dos servidores públicos, como também a assistência médica, pela qual pagam mensalmente com descontos em seus contracheques.

O dia de hoje está marcado por enormes preocupações dos dirigentes das entidades que integram o Fórum, que temem pelo futuro dos servidores públicos do Maranhão.

Por Aldir Dantas

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!