POLÍCIA

Pai monstro acusado de gravar vídeos torturando os filhos é preso

O acusado estaria usando dessa tática criminosa para ameaçar a ex-companheira em Presidente Dutra-MA

A Polícia Civil prendeu preventivamente, na última terça-feira (9), na cidade de Presidente Dutra, a 352 km de São Luís, o homem identificado como Pedro Henrique Alves da Cruz, de 25 anos, pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo, tortura, ameaça e descumprimento de Medidas Protetivas de Urgência.

As investigações, feitas pela Delegacia Especializada da Mulher de Presidente Dutra, apontam que o preso teria gravado vídeos em que torturava os próprios filhos, menores de idade, além de registrar imagens fotográficas com as crianças próximas de uma arma de fogo.

Ainda de acordo com a polícia, a motivação dos crimes seria pelo fato de o investigado não aceitar o fim do relacionamento com a ex-companheira, mãe das crianças, para quem ele mandava as imagens de tortura, além de mensagens de ameaças.

De acordo com o delegado César Ferro, o investigado chegou a enviar para a ex-companheira uma imagem de uma das crianças segurando uma arma de fogo.

Após as formalidades legais, o preso foi encaminhado à Unidade Prisional de Presidente Dutra, onde ficará à disposição da Justiça.

Por Gilberto Lima

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!