ABUSO SEXSUAL

Pastor evangélico é flagrado abusando de garota de 14 anos

O pastor importunava a menor até mesmo dentro da Igreja onde ela congregava

Menor teve que armar flagrante com amiga após denunciar religioso para a família e fiéis, que não acreditaram na história Um pastor evangélico está sendo investigado por abuso sexual contra uma jovem de 14 anos. O religioso é de uma igreja pentecostal de Goiânia (GO) e foi flagrado pela própria vítima. 

A menina havia denunciado o criminoso para a família e fiéis, que não acreditaram na história. Com isso, a garota teve que armar uma situação e gravar a ação do abusador. A Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente da cidade recebeu a denúncia e trata o caso como importunação sexual.

O Conselho Tutelar foi acionado e, de acordo com o órgão, o pastor importunava a menor até mesmo dentro do templo religioso.

O flagrante, combinado com uma amiga da vítima, foi feito após uma conversa dos dois, por mensagens. A adolescente estava sozinha em casa e, assim, o pastor foi ao local, sem saber que estava sendo gravado. 

Mesmo com a jovem afirmando que tem “medo e vergonha”, o abusador a abraça e dá um beijo na boca dela. Depois, ele orienta a menor a apagar as mensagens, para manter segredo. Em determinado momento, o criminoso ofereceu dinheiro para a jovem.

O religioso usou da fé para cometer o crime. “Você não falou nada do hino que eu mandei pra você, ‘Deixo o fogo cair’. Você gostou?”, disse à menina.

O pastor foi embora e, após a ida do homem, a menina chegou a passar mal. Em mensagens após o encontro, o homem afirma que “vou fazer cada dia mais gostoso, vou te beijar mais gostoso”, além de dizer que quer ver a jovem todo dia e que a ama. 

A menor já prestou depoimento e o pastor será intimado. De acordo com o Conselho Tutelar da região noroeste de Goiânia, a pandemia de coronavírus fez aumentar as denúncias de abuso, por conta do isolamento e quarentena, obrigando vítimas e criminosos a ficarem no mesmo ambiente.

Por Djalma Rodrigues

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo