POLÍTICA

Pesquisa Exata mostra segundo turno entre Brandão e Weverton

Números mostram polarização na disputa pelo Governo do Maranhão

Pesquisa de intenção de votos para o Governo do Maranhão, realizada pelo Instituto Exata, cujos números ganharam publicidade na edição online do Jornal O Imparcial, nesta segunda-feira (12), atestou polarização na disputa entre o senador licenciado Weverton Rocha (PDT), candidato da coligação Juntos Pelo Trabalho, e o governador e candidato a reeleição, Carlos Brandão (PSB).

O levantamento foi registrado na Justiça Eleitoral com o número MA-00511/2022 e tem margem de erro de 3,3%, para mais ou para menos.

Foram ouvidas 1.436 pessoas em várias regiões do Estado. O nível de confiabilidade é de 95%. Mesmo usando e abusando da máquina pública, Brandão apareceu com 34% da preferência do eleitorado.

Weverton cravou 30%, estando tecnicamente empatado com o tucanosocialista se a margem de erro for considerada para mais.

O ex-prefeito de São Pedro dos Crentes, Lahesio Bonfim (PSC), marcou 16%. Ele é seguido por Edivaldo Holanda Júnior (PSD – 8%); Joás Moraes (DC – 1%); e Simplício Araújo (SDD – 1%). Enilton Rodrigues (PSOL), Frankle Costa (PCB) e Hertz Dias (PSTU) não pontuaram. Nenhum, brancos ou nulos 3%. 7% não souberam responder.

Rejeição – Edivaldo Holanda Júnior e Carlos Brandão são os mais rejeitados com 22% dos entrevistados afirmando não votar de maneira alguma em ambos. Em seguida, aparecem Lahesio Bonfim (17%), Weverton (16%), Simplício (15%), Frankle Costa (15%), Enilton Rodrigues (11%), Hertz Dias (9%) e Joás Moraes (6%). Votaria em todos 24%; não votaria em nenhum 13%; e não souberam ou não responderam 13%.

Os números da Exata enterram factoide criado pelo Palácio dos Leões, através do Instituto Enganométrica, que divulgou levantamento apontando Brandão com ampla liderança e até com chance de vitória no primeiro turno – reveja e reveja.

Por Gláucio Ericeira

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!