MARANHÃO

Prefeito de Bacuri-MA quer torrar R$ 2,7 milhões com estradas vicinais

Em seu quarto mandato de prefeito, Washington de Oliveira abandonou as estradas na zona rural

A Prefeitura de Bacuri-MA, administrada pelo prefeito Washington de Oliveira, decidiu realizar obras em estradas vicinais do município. Todos os anos é a mesma ladainha e nunca consegue fazer um trabalho digno. Em 2020, se aproveitou do consorcio Conguarás para fazer um paliativo usando máquinas de prefeituras do Litoral Ocidental.

Este ano, contratou para executar os serviços a construtora Contac Comércio e Serviço, CNPJ: 32241345000123 aberta em dezembro de 2018, com capital social de R$1 milhão de reais, com sede localizada na avenida Santos Dumont, bairro Canário, em Turiaçu-MA e de propriedade de Robson Raikard de Jesus Fernandes.

Segundo informações, o primeiro lote de obras deve custar R$ 1.385.347,10 (um milhão, trezentos e oitenta e cinco mil, trezentos e oitenta e sete reais e dez centavos) e o segundo lote R$ 1.395.308,57 (um milhão, trezentos e noventa e cinco mil, trezentos e oito reais e cinquenta e sete centavos) aos cofres públicos.

As estradas que serão contempladas com obras não foram divulgadas pela Secretaria Municipal de Infraestrutura. De acordo com a Prefeitura, as obras devem durar seis meses. Os vereadores, aqueles que ainda não se venderam, devem ficar de olhos abertos, já que é muita grana que pode ser jogada literalmente fora.

Os contratos foram autorizados pelo secretário Municipal de Administração e Finanças, José Rosendo de Santana. O Ministério Público do Maranhão precisa ficar de olhos abertos, já que o prefeito não é bem visto pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!