NOTÍCIAS

Prefeitura de Bequimão atinge todos os indicadores do Programa de Qualificação das Ações de Vigilância em Saúde

O município avançou na implementação de políticas públicas para o fortalecimento da Vigilância em Saúde e aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde

Bequimão vai encerrar o ano com saldo positivo no setor da saúde logo no primeiro ano de gestão do prefeito João Martins. O município avançou na implementação de políticas públicas para o fortalecimento da Vigilância em Saúde e aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde (SUS). É o que mostram os dados do Ministério da Saúde (MS). Segundo relatório do MS, Bequimão atingiu todos os sete indicadores pactuados junto ao Programa de Qualificação das Ações de Vigilância em Saúde (PQA-VS).

Os indicadores com meta alcançada englobam o registro de óbitos no Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM); proporção de casos de malária em que foram iniciado o tratamento adequado em até 48h a partir do início dos sintomas; proporção imóveis visitados para realizar o controle da dengue; proporção de novos casos de tuberculose examinados; número de testes de sífilis por gestante; números de testes de HIV realizados; e atualização das notificações de agravos e doenças relacionadas ao trabalho.

A secretária municipal de Saúde, Ramone Araújo, agradeceu e parabenizou os profissionais de saúde do município, responsáveis por tornar possível a conquista e colocar Bequimão, mais uma vez, em posição de destaque entre os municípios maranhenses.

“O resultado obtido no Programa de Ações da Vigilância é fruto do trabalho incansável dos nossos profissionais de saúde, que viram suas responsabilidades aumentarem ainda mais com a pandemia. Trabalhamos incansavelmente na atenção primária, reforçando as campanhas e também as ações para promover a saúde da nossa população. Por todo esse empenho, parabenizo todos os nossos profissionais de saúde de Bequimão pelo excelente resultado obtido na avaliação. Agradeço também o nosso prefeito João Martins pelo apoio e compromisso com a saúde da nossa população”, declarou a secretária Ramone Araújo.

Para o prefeito João Martins o resultado é fruto do esforço dos profissionais de saúde do município. Ele também citou os investimentos da Prefeitura Municipal, que tem dado condições para que as equipes possam trabalhar na promoção da saúde coletiva.

“Encerramos o nosso primeiro ano de gestão com um grande feito, que foi conseguir cumprir com todas as metas relacionadas ao Programa de Ações da Vigilância em Saúde. Todo o nosso reconhecimento aos profissionais de saúde que atuaram fortemente para que conseguíssemos chegar a esse resultado que muito nos orgulha. Também não posso deixar de destacar os nossos esforços para garantir a assistência contínua de saúde à nossa população, com os nossos hospitais e Unidades Básicas de Saúde em pleno funcionamento. Aproveito a oportunidade para reforçar também o nosso compromisso com a assistência primária em saúde, que tem contribuído, preventivamente, com a saúde da nossa gente”, garantiu o prefeito de Bequimão, orgulhoso com o resultado da avaliação.

Programa de Qualificação das Ações de Vigilância em Saúde

Criado pela Portaria nº 1.378/GM/MS, de 08 de julho de 2013, o Programa de Qualificação das Ações de Vigilância em Saúde – PQA-VS comemora oito anos de existência em 2021, buscando a melhoria das ações e serviços de Vigilância em Saúde, como iniciativa para o aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde.

A garantia do acesso integral e de forma oportuna às ações e serviços de qualidade visam contribuir para a melhoria das condições de saúde da população, a redução das iniquidades e a promoção da qualidade de vida dos brasileiros, e ainda, constituem-se como objetivos gerais do Ministério da Saúde, tendo o PQA-VS como parte dessas iniciativas.

A história do programa mostra sua relevância como um marco para a Vigilância em Saúde, por definir compromissos e responsabilidades a serem assumidas pelas três esferas de gestão do SUS.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo