BABADO DA SEMANA

Bolsonaro está derretendo e rejeição já é a maior da história

A rejeição do presidente irresponsável sobe de 46% a 52% em 15 dias

Bolsonaro já sentiu o gosto da derrota nas eleições de novembro de 2020. Sua popularidade continua apenas as redes sociais sustentada poro robôs, já que nas ruas o fracasso é garantido, haja vista que nas eleições para prefeito, seus pedidos de voto não surtiram efeito e muitos candidatos que aliaram sua imagem a de Bolsonaro, foram derrotados. Até a ex-esposa Rogéria Bolsonaro, não escapou da derrota nas urnas.

A reprovação popular do governo Bolsonaro deu um salto espantoso de seis pontos percentuais em apenas 15 dias, conforme pesquisa do instituto PoderData. A desaprovação passou de 46% em 21-23 de dezembro para 52% na primeira semana de janeiro. A aprovação caiu de 47% para 44%.

A desaprovação, de 52%, é a mais alta na série do PoderData, iniciada em junho. Este número ainda não medem o impacto do fim dos pagamentos do auxílio emergencial para brasileiros de baixa renda. O programa do governo pagou 5 parcelas de R$ 600 e mais 3 extras de R$ 300 para pessoas que foram severamente afetadas pela pandemia. Houve pagamentos em dezembro e haverá alguns residuais em janeiro, mas o programa está encerrado.

A pesquisa também perguntou o que os entrevistados acham do trabalho de Bolsonaro como presidente: ótimo, bom, regular, ruim ou péssimo.

O levantamento mostra que 44% da população rejeita o chefe do Executivo, taxa que variou 2 pontos percentuais para cima desde o último estudo. A aprovação agora é de 35%, contra 39% 15 dias antes.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo