MARANHÃO

Equatorial Maranhão deixa moradores do Condomínio Vitória São Luís por quase 10h sem energia. Número 116 é a maior miguelagem

Uma equipe compareceu ao chamado, resolveu parte do problema nas fases A e D, mas foi embora deixando os moradores das fases B e C sem energia a noite inteira

Faz tempo que a Equatorial Maranhão é líder em reclamações por não prestar um bom serviço aos consumidores maranhenses. Quanto maior os avanços tecnológicos, menor a qualidade do serviço. Se na capital do estado a empresa não respeita seus clientes, imagina no interior do Maranhão, onde em muitas cidades, sequer existe escritório para atender as demandas.

Na noite desta quarta-feira (5), os moradores do Condomínio Vitória São Luís, localizado na Estrada de Ribamar, no bairro Forquilha, em São Luís-MA, passaram um perrengue com a falta de energia no maior resodencial fechado do Maranhão e o segundo maior do Nordeste, onde habitam aproximadamente 5 mil pessoas. Com as fortes chuvas que cairam na Região Metropolitana, faltou energia elétrica por volta das 20h45 e só foi restabelecida na manhã desta quinta-feira (6), por volta das 7h, após quase 10h sem.

A Equatorial Maranhão foi acionada pelos moradores através do 116 e também pela administração do Condomínio Vitória. Uma equipe compareceu, conseguiu resolver o problema nas fases A e D, mas inventou uma desculpa esfarrapada de que uma árvore estaria interferindo na rede, causando curto e derrubando a tal canela e por esse motivo só voltaria pela manhã para derrubar a tal árvore. Após quase 10h a energia foi restabelecida, mas sequer uma folha da tal árvore foi removida para que o problema fosse solucionado, mostrando a falta de compromisso da equipe e o desrespeito da Equatorial com seus clientes.

É válido salientar, que no Condomínio Vitória São Luís, habitam centenas de crianças, inclusive autistas e idosos, e mesmo assim, a Equatorial que diz atender pelo 116, maior miguelagem eletrônica, não conseguiu resolver um problema pontual no residencial. A falta de compromisso da Concessionária de Energia com seus clientes é geral e criticada por todos.

Em Nota, encaminhada ao G7 nesta sexta-feira (7), a Equatorial Maranhão tenta explicar os motivos pelos quais a equipe de plantão deixou parte do Condomínio Vitória São Luís sem energia por quase 10h. É bom salientar, que a equipe, quando voltou ao residencial por volta das 6h da manhã. primeiro religou a energia e só depois fez a tal podagem da árvore, contrariando a versão colocada durante a madrugada. Veja a Nota abaixo.

Nota de Esclarecimento Equatorial Maranhão 

Sobre o caso da falta de energia elétrica na noite desta quarta – feira (5/6) no Condomínio Vitória São Luís, localizado na Estrada de Ribamar, no bairro da Forquilha, a Equatorial Maranhão esclarece que a energia foi restabelecida já na madrugada da quinta – feira (6/6), após um complexo trabalho de manutenção, o qual foi dificultado pela ocorrência de fortes chuvas.

As equipes de manutenção da Equatorial detectaram que galhos de uma árvore, do tipo Barrigudeira – espécie protegida por lei e que necessita de autorização especial para poda – estavam tocando a rede elétrica e causando curto circuito. Por isso a árvore não foi podada de imediato pela Equatorial.

Por esse motivo, o serviço foi realizado em duas etapas, sendo restabelecida primeiramente a energia de parte da rede no condomínio; e em seguida a segunda parte na qual estava essa árvore.

A distribuidora precisou acionar uma outra equipe – da Linha Viva – que atuou no caso utilizando um veículo de maior alcance para a solução definitiva.

A Equatorial já está com este condomínio em seu programa de manutenção, para executar obras de melhoria preventiva da rede nesse trecho, para evitar novas ocorrências.

Por fim, a Distribuidora lembra que, a manutenção da arborização localizada em espaços e vias públicas é de responsabilidade dos órgãos de paisagismo urbano da prefeitura de cada município. E nos casos de árvores localizadas em imóveis ou terrenos privados, o dono é quem deve podá-las, *através de empresas especializadas ou pessoas habilitadas*. Nas situações em que a árvore já estiver em contato com a rede elétrica, a Empresa executa esse serviço.

A Equatorial orienta que a população jamais tente podar por conta própria as árvores que estejam tocando a rede elétrica para evitar acidentes com energia.

Assessoria de Imprensa da Equatorial Maranhão

Atualizada às 10h07 do dia 08 de junho de 2024.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo