MARANHÃO

MOB é obrigada a tirar ferry-velho de operação

Ministério Público Federal alerta Capitania dos Portos

A Agência Estadual de Mobilidade Urbana (MOB) acaba de retirar o ferryboat velho José Humberto de operação, aprofundando ainda mais a crise no sistema de transporte aquaviário de passageiros, na travessia porto Ponta da Espera em São Luís – porto de Cujupe em Alcântara, via baía de São Marcos.

Por meio nota, a MOB, que tem tentado enganar a população da Baixada Maranhense, informou que a Capitania dos Portos do Maranhão determinou a suspensão da operação do ferryboat José Humberto, obedecendo a solicitação do Ministério Público Federal (MPF).

Dessa forma, o sistema de travessia marítima via ferryboat pela Baía de São Marcos volta a operar com apenas três embarcações, todas da empresa Internacional Marítima, de propriedade do empresário Luís Carlos Cantanhede.

Nesta semana, a MOB já havia criado nova tabela de horários com 9 viagens, sendo 6 para a Internacional Marítima e apenas três para o ferryboat José Humberto. Segundo informações, a MOB chegou a fazer um recadastramento das vans que fazem linha da Baixada, mas tudo foi por água abaixo.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!