BABADO DA SEMANA

Trotes atrapalham o trabalho do SAMU

Em meio à pandemia, SAMU recebeu 2.500 trotes em somente em abril na capital

O alerta foi do próprio prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, em suas redes sociais. É mais um daqueles fatos que parecem absurdos em um momento de tamanha crise, mas acontece: o número de trotes ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) aumentou e tem atrapalhado o atendimento a quem precisa. E a demanda é muito maior neste período.

Somente no mês de abril foram 2.500 trotes recebidos pelo SAMU. O serviço tem sido muito mais demandado durante a pandemia. A média de recebimento de chamadas diárias era de 600 chamados por dia e, agora, já chega até o número de mil ligações em 24h.

“Trote é crime. Quando uma solicitação falsa é feita, quem realmente precisa pode deixar de ser socorrido. Já orientei à Semus que denuncie à Polícia. O foco e compromisso de toda sociedade agora, não só dos poderes públicos, precisam ser ao enfrentamento do coronavírus”, reclamou o prefeito de São Luís.

Por Clodoaldo Corrêa

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo