ENTREVISTA

Prisão de Lula poderá ser paga com indicação de Moro ao STF

Moro será indicado para próxima vaga no STF, diz Jair Bolsonaro durante entrevista

Cedo ou tarde, a verdade virá à tona sobre esse acordo feito entre Jair Bolsonaro e o ex-juiz Sérgio Moro, que até agora foi mal contado a população brasileira. É inacreditável ver alguém com 22 anos de magistratura e com um salário de R$39 mil reais, largar tudo para tentar ser o salvador da pátria como Ministro da Justiça, no governo de um presidente todo atrapalhado, ganhando apenas R$ 30 mil reais mensal e com um emprego com data de validade.

Neste domingo (12), o presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou ao deixar escapar que indicará o ministro Sérgio Moro (Justiça e da Segurança Pública) para a próxima vaga no STF (Supremo Tribunal Federal), que deve ser aberta em novembro do ano que vem com a aposentadoria do decano Celso de Mello. Segundo Bolsonaro, a indicação servirá para cumprir um acordo entre o Presidente da República e o Ministro da Justiça.

“A primeira vaga que tiver [no STF], eu tenho esse compromisso com o Moro [de indicá-lo], e pretendo… pretendo não. Se Deus quiser, nós cumpriremos esse compromisso”, disse Bolsonaro em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Qual seria esse acordo? O pedido de Moro deve ter sido a indicação para entrar no STF. E qual seria o pedido de Jair Bolsonaro ao Moro? Teria sido a manutenção de Lula na cadeia para não sair candidato a presidência? Com a resposta, Polícia Federal…

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close