ARTIGO

Flávio Dino saiu do governo de navio e deixou Brandão em uma barca furada

Os últimos 50 dias de Carlos Brandão foram de sofrimentos, angústia e teve que engolir calado

A vida de Carlos Brandão como governador não tem sido fácil nos últimos 50 dias. As bombas literalmente deixaram para disparar somente após a saída de Flávio Dino do governo. Teria sido de propósito ou realmente iria estourar? O certo mesmo é que Brandão já não dorme por vários motivos há dias.

Antes de Flávio Dino sair do governo o Palácio dos Leões funcionava plenamente. Desde o dia 2 de abril, quando Brandão assumiu definitivamente, os problemas começaram aparecer. Veio logo a situação do ferry boat, que até hoje não foi resolvido, a violência na capital maranhense, que também não teve solução e o não cumprimento de acordos com os aliados antigos e novos aliados de Brandão. Se não bastasse, os escândalos dos contratos milionários no governo.

Para tentar esfriar o clima, Brandão resolveu fazer um cirurgia para retirada de um cisto. Mas a ideia não pegou bem, já que o governador que diz ter investido na saúde do Estado, escolheu um hospital de São Paulo para submeter-se ao procedimento cirúrgico.

Enquanto isso, os soldados brandonistas tentavam a todo custo, fechar aliança com Josimar de Maranhãozinho. A tentativa nao deu certo e o Moral da BR acabou declarando apoio ao senador Weverton Rocha. A noticia caiu como uma bomba no Palacio dos Leoes.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!