NOTÍCIAS

Prefeitura de São Luís vai dar mais dinheiro público aos empresários do transporte coletivo

Enquanto isso, motoristas e cobradores passam dificuldades, com salários defasados e muitas vezes atrasados

A Prefeitura de São Luís prorrogou, por mais dois meses, o famoso auxílio emergencial ao setor do transporte público da capital. O auxílio, a ser repassado nos meses de fevereiro e março, será de R$ 2,5 milhões (auxílio direto) e mais R$ 1,5 milhão, por meio do programa “Cartão Cidadão”. A prorrogação foi efetivada no início do mês de fevereiro.

“A nossa gestão tem tido a responsabilidade de manter os serviços do transporte público da nossa cidade. Todo o esforço da Prefeitura de São Luís é para que a nossa população tenha o seu direito de ir e vir garantido. Por isso, mesmo diante de todas as dificuldades, decidimos pela prorrogação do auxílio, reforçando o compromisso desta gestão pela manutenção regular dos serviços”, pontuou o secretário municipal de Governo, Enéas Fernandes.

Ao fim de 2021, a Prefeitura de São Luís anunciou o auxílio emergencial ao setor do transporte público. Com esse mesmo objetivo, a Prefeitura efetivou a prorrogação do auxílio, por dois meses, para o setor.

“Naquilo que nos compete, já tratamos de todas as medidas necessárias para o funcionamento do sistema de transporte público da capital. Cabe agora às duas categorias, prestadoras diretas do serviço, chegarem a um entendimento que não prejudique a nossa população”, finalizou o secretário Enéas Fernandes.

Com isso, as empresas faturando milhões do poder público, serviço continua péssimo, carros caindo aos pedaços, motoristas e cobradores passando dificuldades. Prefeito Eduardo Braide está de joelhos para os empresário do transporte coletivo.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!!!