ELEIÇÕES

Gestores evitam ataques nos recursos de combate ao Covid-19

Além da oposição que usa uma tática para enganar o povo, ainda tem os aliados gregos

Os gestores municipais estão se desdobrando em duas frentes de batalha: uma contra o coronavírus, o inimigo invisível número 01 da saúde pública, e os “Cupins dos recursos públicos”, aliados políticos que aproveitam a ocasião para tirar algum proveito do erário público.

A mais recente investida do fogo amigo contra os prefeitos tem como alvo os recursos oriundos dos créditos extraordinários do Ministério Público para combate ao Covid-19. Distribuídos pelo Fundo Nacional de Saúde (FNS) para os Fundo Municipais de Saúde (FMS), o critério de distribuição leva em conta o número de infectados pelo coronavírus, número de leitos de enfermaria e UTI da rede de assistência hospitalar entre outros.

Mas não para por ai. O novo coronavírus tem sido uma tática para alguns “Cupins aliados” ganharem dinheiro fácil, mas por outro lado tem sido uma bandeira de opositores para tentar desconstruir os gestores. É uma tática constante em todo Brasil.

Mostre mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo